Quebra-Cabeças

Ler, criar, reler, imaginar!

Leitor tem disso, né? Fases...

Estou naquela de explorar livros que tragam possíveis atividades mais lúdicas ao final da leitura. É ótimo poder ir além do livro-objeto, ir além da narrativa e compor a leitura com finalizações que podem ir desde a criação de textos a brincadeiras mais motoras.

Não me apego aos livros de atividades, puramente. Livros que, mesmo que não tenham esse objetivo, possam trabalhar movimento, criação e processos reflexivos com os pequenos.

Em "Quebra-Cabeças" o designer e ilustrador argentino Diego Bianki explora a diversidade.

Animais, pessoas, bichos lugares distantes... Todos têm suas peculiaridades e juntos formam o maior de todos os quebra-cabeças: nosso mundo! Para ilustrar essa pluralidade ele nos traz cores e divertidas ilustrações.

Caixas coloridas que têm em si seu próprio personagem ilustrado e que ao final de um grande mosaico, formam uma imagem, uma pessoa, alguém. São peças de um quebra-cabeças em que você é o criador, sem nenhuma regra, sem limites!

Deixe que sua cabeça se abra!

Com pequenas frases por páginas e trocadilhos entre as palavras e imagens o livro é incrível para celebrar as diferenças, entender a diversidade.

Ao final do livro, Bianki dá as dicas para criar seu próprio quebra-cabeças a partir de materiais reciclados - caixas de fósforo, de lâmpadas, de tudo o que puder ser reaproveitado.

Em tempos de reaproveitar ao máximo, Bianki é uma leitura e tanto para movimentar a mente e as mãos!

  • fb_icon
  • insta_icon

#livreirinha

Todos os direitos reservados © 2016 - 2018 · Livreirinha | Literatura infantil e infantojuvenil